Pular para o conteúdo

Últimas Notícias

Controle de pneus ajuda a economizar na manutenção da frota

Você sabia que 20% dos acidentes em rodovias acontecem por falta de controle de pneus da frota? Os problemas com pneus representam um número impressionante quando pensamos na segurança dos motoristas, carga e demais população trafegando na via.

Por isso, na hora de avaliar seus custos, as empresas de transporte rodoviário devem considerar a depreciação da frota, salários, manutenção, combustível, lubrificantes, dentre outros itens, e incluir também no checklist o controle de pneus da frota.

Para quem não sabe, o controle representa cerca de 12% do total de gastos de uma frota. Assim, quando feito de forma correta, evita prejuízos e a ociosidade de veículos, contribuindo até mesmo na prevenção de acidentes que trazem consequências negativas no âmbito legal e financeiro.

Diante disso, explicamos o que é efetivamente o controle dos pneus, a sua importância e como fazer a gestão correta pode influenciar nos gastos da sua transportadora, ajudando assim na economia de recursos financeiros.

No que consiste o controle de pneus da frota?

Muita gente ainda tem dúvidas quanto ao que é o controle dos pneus da frota, que é uma etapa essencial da gestão de frotas. Isso porque é a garantia de que todos os cuidados com os pneus sejam realizados corretamente.

Cuidados esses que vão desde a compra até o descarte dos pneus, como a calibragem, manutenção preventiva, rodízio e até a lavagem dos pneus. Todas essas etapas garantem um bom desempenho dos veículos, segurança nas estradas, bem como economia com a manutenção da frota.

Por que o gerenciamento de pneus é importante?

Existem alguns motivos que mostram a relevância do controle dos pneus. O primeiro, como citado acima, é a segurança no que diz respeito não só as cargas, como também as pessoas envolvidas, seja o motorista do caminhão ou os demais condutores na estrada. Isso porque quando os pneus estão desgastados ou desregulados, acabam sendo mais suscetíveis a acidentes.

Outro motivo é que esse controle permite o levantamento de custos, ou seja, ajuda a entender quais são os gastos, de onde eles vêm e porque eles ocorrem.  Ou seja, se tratam dos com a compra de pneus, a reforma deles e até mesmo o gasto de combustível que pode ser influenciado pela má gestão dos pneus.

Índice treadwear e durabilidade dos pneus

O Índice Treadwear serve para ajudar ao gestor na hora da compra de novos pneus e pode ser encontrado na lateral do pneu, ele varia de acordo com o modelo e a marca e indica a velocidade com que um pneu se desgasta.

Sendo que o índice varia de mínimo para máximo, iniciando-se em 60 e tem como valor de referência o número 100. Ou seja, um pneu com Treadwear de 80, ele irá se desgastar 20% mais rápido que um pneu de 100.

Vale lembrar que esse índice tem altera-se de acordo com a marca e modelo do pneu, o que significa que não é possível comparar índices Treadwear de concorrentes.

Como reunir dados para o controle de pneus da frota

As informações relevantes sobre os pneus devem ser atualizadas a cada momento que sofrerem alterações, como data de calibragem, e rodízio. Além disso, deve ter uma planilha com outras informações, como:

  • Modelo
  • Dimensões
  • Desenho e marca
  • Motivo da retirada
  • Cadastro do chassi
  • Chassi base
  • Número de identificação

O que influencia no desgaste acelerado dos pneus

Estradas ruins geram desgaste e despesas. E a ausência do controle de pneus pode trazer muitos riscos, uma vez que mais da metade das rodovias brasileiras estão mal conservadas, segundo uma pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT). Essas condições geram grande desgaste e, consequentemente, a necessidade de novas aquisições ou recapagem dos pneus.

Além disso, o asfalto molhado também tem influência nos pneus da frota. A capacidade de um veículo manter-se na pista vai depender muito dos desgastes do equipamento. Um pneu bem cuidado pode ter uma vida útil 25% maior. Ou seja, em vez de 100 mil km. ele pode rodar até 125 mil km com segurança.

Tecnologia proporciona maior economia e produtividade

De olho neste cenário, gestores logísticos procuram cada vez mais por soluções tecnológicas que aumentam a produtividade sem abrir mão da qualidade e segurança. Já existem softwares especialmente desenvolvidos para controlar toda a rotina de pneus, desde a sua compra até o sucateamento ou venda.

Eficientes, essas plataformas calculam o custo por km de cada pneu, indicam a melhor opção de recapeamento, bem como a marca e modelo ideais para cada tipo de veículo. Além disso, permite a visualização de estatísticas de utilização dos pneus, controle de sulcos e da aferição periódica, e verificam gastos com peças de manutenção.

A tecnologia possibilita uma visão mais detalhada do ciclo de vida de um pneu. A integração entre áreas e processos proporciona também otimização dos recursos empresariais, custos operacionais e ativos como ônibus e caminhões.

Ademais o ganho financeiro, a gestão apropriada dos pneus é mais sustentável, porque colabora para a significativa diminuição do impacto ambiental, pois reduz o consumo de combustíveis e diminui o descarte de pneus no ambiente.

Além do módulo de gestão de pneus, a Praxio disponibiliza o Afere Fácil para a aferição exata e simples da calibragem dos pneus da sua frota. A tecnologia nesse caso é uma grande aliada para garantir o controle de pneus da frota, bem como economizar em toda a gestão, seja com manutenção corretiva ou gastos indevidos com combustível.