Pular para o conteúdo

Últimas Notícias

Nível de serviço logístico: o que é e como medir na transportadora

Você sabe o que é nível de serviço logístico dentro da sua transportadora? O termo se refere a um conjunto de técnicas que tem como objetivo analisar a eficiência dos serviços prestados por terceiros. 

Com duas ou mais empresas envolvidas nesse processo, sem contar com o número de colaboradores, é mais difícil manter um controle efetivo da qualidade do serviço prestado pela transportadora. Por isso, é necessário ter o um sistema inteligente que permita acompanhar os processos realizados pelas empresas de forma efetiva, e com isso, é possível garantir um padrão de qualidade, se consolidando no mercado de transportes e passando a frente da concorrência.

A melhor forma para medir o nível de serviço logístico é utilizar um método já consolidado dentro de grandes empresas, o KPI – termo para Key Performance Indicator, ou em português indicador-chave de desempenho.

Para que serve o KPI?

Um Indicador-chave de desempenho se trata de uma ferramenta de gestão para se realizar a medição e avaliar o desempenho e sucesso de uma organização ou de um determinado processo. A metodologia foca como é feito o serviço e indica quão bem os processos dessa empresa estão. Permitindo assim que o gestor consiga analisar a melhor forma de trabalho.

Para atender da melhor forma a transportadora de cargas, é preciso criar os indicadores-chave certos que são capazes de medir a qualidade desse tipo de serviço prestado. Para isso é necessário fazer um levantamento sobre quais são os processos mais importantes para o bom funcionamento do seu negócio e o que é relevante para os seus clientes. Só com isso é possível acompanhar a qualidade, elaborar e propor ajustes quando necessário.

Dentro de uma transportadora, entre os KPIs mais relevantes estão o frete correto, indicador-chave que deve analisar se está cobrando o valor de frete combinado. Outro indicador importante tem a ver com a entrega do pedido. Analisando se houve algum problema durante esse processo, como atrasos, por exemplo. Assim, é preciso analisar o percentual de pedidos entregues no prazo negociado, sem avarias e sem problemas com documentação fiscal.

Também vale a pena avaliar indicadores como a taxa de giro do caminhão, fator que mede o tempo médio entre a chegada do veículo e a sua saída. Outro ponto importante é o aproveitamento da capacidade de carga útil que é transportada nos veículos da transportadora.

Tão importante quanto os KPIs é como o gestor fará a analise do nível de serviço logístico. Com um software de gestão integrada é possível ter acesso a todas as informações da transportadora em um só lugar.

ERP como ferramenta de Business Intelligence

Solução ERP Carga e Logística, é um software de gestão integrada que conta com inteligência artificial que automatiza o processo e dispensa a intervenção humana. Oferecendo  indicadores que mostram os resultados da sua operação e relatórios personalizados para a transportadora feitos por meio do controle de indicadores de performance (Business Intelligence), ferramenta amplamente conhecida dentro dos setores de marketing.

A ferramenta faz uma leitura aprofundada da lucratividade por cada um dos clientes, bem como o orçamento dos fretes cobrados pela transportadora. Como a ERP disponibiliza o monitoramento da frota, também é possível apresentar um relatório com o resultado por veículo, analisando o custo-benefício de cada veículo da frota.

Também traz o gerencial por cliente e performance de entrega, KPIS importantes para fazer uma leitura do nível de serviço logístico de forma eficiente.

Todas essas informações permitem ao gestor fazer uma leitura da transportadora, Aumentando seu controle de forma automatizada e diminua seus custos logísticos. Dessa forma, permite ao gestor analisar cada ponto e verificar a necessidade de mudanças e reajustes operacionais, para ampliar a lucratividade e oferecer um serviço de qualidade aos clientes contratantes.

Quer fazer a analise completa do nível de serviço logístico? Fale com a Praxio e saiba como utilizar o software de gestão integrada para transformar a operação de forma inteligente!