Pular para o conteúdo

Últimas Notícias

Logística de transporte rodoviário: o que é e como aplicar na transportadora

A logística de transportes, como definição básica, é o ato de movimentar mercadorias garantindo a integridade da carga. Isto é, realizar a entrega no prazo estabelecido com o contratante a um frete baixo ou justo. 

Na logística de transporte rodoviário, consideram-se todos os parâmetros envolvidos no transporte de mercadorias por caminhão, com o objetivo de maximizar a produtividade e a eficiência deste modal específico. 

Ou seja, na logística do transporte rodoviário de cargas, incluem-se alguns parâmetros, a saber:

  • Planejamento das rotas mais eficientes para motoristas de caminhão;
  • Seleção de combustível e pneus que performam melhor de acordo com cada caminhão;
  • Escolha do melhor tipo de caminhão para carga a ser carregada;
  • Contratação de uma excelente equipe de motoristas de caminhão.

Além de vários outros aspectos que são levados em conta para oferecer o melhor serviço. Assim, sem debilitar o fluxo de caixa da transportadora

Como sabemos, o Brasil é um país cuja matriz logística depende do transporte rodoviário em 75% de suas movimentações. Ou seja, praticamente tudo o que consumimos, de fraldas de bebê, alimentos, roupas e outros materiais, foi transportado por caminhões.

Em síntese, quando falamos em planejamento de logística de transporte rodoviário, estamos tratando de um campo que exige habilidades de precisão, análise e negociação. 

Por que o planejamento logístico de transporte é importante?

Planejar como a sua empresa lida com logística é um dos aspectos mais importantes que influencia em seu fluxo de caixa. Isso é inegável. 

Ademais, o planejamento logístico é também estratégico, principalmente para empresas que atuam no mercado atacadista distribuidor. 

Nesse sentido, imaginemos o seguinte: o gerenciamento da logística de transporte é o grande orquestrador da entrega de mercadorias aos seus clientes. 

Em outras palavras, toda a mercadoria e todas as pessoas envolvidas na entrega de produtos e materiais são abrangidos pelo gerenciamento da cadeia de suprimentos, incluindo o gerenciamento da logística de transporte.

Como melhorar a logística de transporte?

Afinal, como realizar um eficiente planejamento logístico rodoviário onde sua transportadora ofereça serviço de altíssimo nível, com baixa perda e frete baixo?

Veja algumas dicas úteis!

Conheça a sua frota

Conhecer a sua frota é um item obrigatório, fundamental e básico para todo gestor de uma transportadora. 

Isso porque, como se não bastasse saber os modelos de caminhões em operação, é necessário também ir a fundo ao assunto e dar importância a questões técnicas, como a manutenção dos caminhões. 

Na manutenção de veículos, o gestor precisa averiguar alguns itens, por exemplo:

  • Consumo médio de combustível;
  • Troca de óleo e outros lubrificantes;
  • Troca e reposição de peças;
  • Vida útil dos pneus;

Além destes dados em mãos, é importante que o gestor saiba como é composta a sua frota de caminhões, como também a disponibilidade de cada veículo para determinado tipo de demanda e a depreciação dos veículos. 

Antecipe a demanda

Antecipar demanda é a chave para realizar um serviço de transportes ágil e eficiente. 

Ou seja, estar à frente das necessidades do cliente é a melhor maneira para planejar o futuro e evitar ocorrências negativas que não podem ser consertadas. 

Dessa maneira, o gestor de logística no transporte rodoviário deve estar atento a todos os sinais que mostrem que ela deverá se preparar para uma situação anormal.

Por exemplo:

  • Aumento de impostos em determinado estado do País;
  • Aumento ou diminuição de vendas em determinadas épocas do ano;

Assim, quando a sua transportadora prevê ocorrências dessa natureza, é a melhor forma para evitar problemas e interrupções de entregas, além de mostrar ao cliente o compromisso e respeito com os prazos acordados.

Invista na melhoria de paletização e carregamento

Sempre que possível, procure realizar uma paletização adequada e um carregamento seguro, de forma que a distribuição de produtos dentro do caminhão fique correta.

Mas, afinal, o que seria essa “paletização”?

Paletização é um jargão logístico que refere-se à maneira de organizar seus produtos de forma compacta em cima de pallets, promovendo assim uma melhor organização do estoque, facilitando a movimentação de carga. 

Outra dica importante: não deixe vãos livres, porque eles representam espaço a mais para que caixas caiam e produtos se danifiquem. 

Isto é, quanto mais compacta estiver a carga, menor as chances de danificação dos produtos.

Invista em softwares de gestão automatizada

O investimento em softwares inteligentes de gestão tem sido frequente ao longo dos anos, principalmente no setor de logística. 

Dentre eles, destacamos o ERP (Enterprise Resource Planning), desenvolvido especialmente para a gestão empresarial de processos. 

Robusto e baseado em computação na nuvem, o ERP proporciona diversas funcionalidades interessantes dentro do processo de gestão empresarial.

Em resumo, o software unifica todos os dados dos departamentos de sua empresa em uma única plataforma. 

A saber:

  • Financeiro;
  • Recursos Humanos;
  • Compras;
  • Manutenção;
  • Contabilidade;
  • Etc.

Todos estes dados são atualizados em tempo real e disponibilizados aos gestores em diversas plataformas, como computadores e dispositivos móveis, por exemplo.

Como funciona a logística de distribuição?

A logística de distribuição pode ajudar bastante no seu planejamento de logística de transporte rodoviário. 

Em resumo, a logística de distribuição consiste em coletar os produtos que estão no estoque de produtos acabados na loja ou no centro de distribuição e até mesmo no atacadista. 

Então, a transportadora organiza os produtos de forma ordenada dentro de um caminhão e realiza um eficiente sistema de distribuição.

Os documentos de transporte, com o uso do software, são automaticamente emitidos, com integração ao órgãos competentes. O controle é facilitado e a gestão de documentos e cargas é feita de forma muito assertiva, além de rápida.

Em resumo, a logística de distribuição disponibiliza a quantidade de mercadoria certa, no momento e lugar certo, sendo preciso otimizar processos para que as operações sejam rentáveis e lucrativas.

ERP Cargas, a solução para a sua transportadora

A Praxio possui, com expertise em seus mais de 30 anos de experiência e vivência no setor logístico rodoviário, um software ERP atualizado que otimiza todas as funções logísticas de uma transportadora.

O ERP Cargas consegue realizar todas as tarefas de um ERP comum e, como adicional, também realiza as seguintes funções específicas para transporte rodoviário de cargas:

  • Gerenciamento e manutenção de frota;
  • Gerenciamento e manutenção de armazém (WMS);
  • Aviso de recebimento e rastreamento via Rotograma;
  • Torre de controle operacional;
  • Gerenciamento de combustível da frota;
  • Emissão automática de CTe com base nas respectivas notas ficais, sem intervenção humana;
  • Etc. 

Sem dúvidas, o ERP Cargas, da Praxio, auxiliará a sua empresa no planejamento logístico de transportes, com aumento de produtividade, redução de custos e maiores lucros.

Se interessou? Entre em contato agora mesmo com a nossa equipe de vendas e solicite uma demonstração!